Exposição marca os 30 anos da Casa da Xilogravura


Obras magníficas de 134 artistas, residentes no Brasil, formam uma das mais surpreendentes exposições de xilogravura já apresentadas no País. Essa exibição estará aberta de 23 de setembro de 2017 até 26 de fevereiro de 2018 na Casa da Xilogravura, em Campos do Jordão. (Durante esse período, nas outras 27 salas do Museu, o público poderá visitar também as variadas mostras de longa duração.)

Para comemorar seus 30 anos de atividades, o Museu Casa da Xilogravura, de Campos do Jordão, convidou os xilógrafos residentes no Brasil para um grande evento/concurso. Acorreram 204 artistas, dos quais 177 ainda não estavam no acervo do Museu, embora desse acervo já constassem, então, mais de 1.000 outros gravadores. Os novos nomes agora incluídos são, em grande maioria, de jovens com menos de trinta anos de idade. Os trabalhos por eles enviados revelaram-se surpreendentemente bons e demonstram estar acontecendo, no País, uma impressionante floração de ótimos xilógrafos, uma geração nova de artistas que estão produzindo xilogravuras com magnífica qualidade estética.




As obras enviadas exibiram tão alto nível, que o Museu decidiu aumentar o número de prêmios. Eram prometidos 4, mas passaram a ser 20, pois foram criados 3 novos prêmios especiais e 13 menções honrosas.

Foram premiados os seguintes artistas:

Grande Prêmio Casa da Xilogravura gt; Anderson Wilcke, de Embu das Artes –SP
Grande Prêmio Reencontro gt; Lucie Maria Schreiner, de Marechal Cândido Rondon –PR
Prêmio Descoberta gt; Pedro Sanchez, do Rio de Janeiro –RJ
Prêmio Descoberta gt; Diego Santana de Farias, de Fortaleza – CE
Prêmio Descoberta gt; Francisco Horta Albuquerque Maranhão, de S.Paulo– SP
Prêmio Singularidade gt; Márcia Santtos, de Santosnbsp; – SP
Prêmio Mantiqueira gt; Djalma Toledo, de São José dos Campos – SP



Menção Honrosa gt; Adriano Gambim Rocha, Angela Leite, Cláudia Sperb, Fernando Gómez Alvarez, Joyce Farias de Oliveira, Luisa Almeida, Maércio Lopes de Figueiredo Siqueira, Maria Angélica Chiang, Marly Calilo Bezerra, Milton Cazelatto, Miriam Aparecida Mendes, Paulo Cesar Lenço, Tiago Costa de Sousa.

MUSEU CASA DA XILOGRAVURA

Av. Eduardo Moreira da Cruz, 295, Bairro Jaguaribe, Campos do Jordão.
Horário de funcionamento: das 9 às 12 e das 14 às 17 horas, de 5ª. a 2ª. Feira
(Fecha nas terças e quartas-feiras)nbsp; (FECHA DE 1 a 25 DE DEZEMBRO)
Mais informações:nbsp; (12) 3662-1832

Fonte: Da redação
Compartilhe
Top Notícias em Campos do jordão Veja todas